O “Programa CFCs em Ação! Parâmetros Curriculares Estaduais”, desenvolvido pela Escola Pública de Trânsito (EPT), do Detran.SP, tem o propósito de promover o aprimoramento das equipes técnico-pedagógicas dos Centros de Formação de Condutores (CFCs).

Na edição de 2017, foram realizadas palestras em várias regiões do Estado de São Paulo, a fim de envolver o maior número possível de CFCs. Especialistas convidados abordaram temas pertinentes à formação dos condutores – entre eles, mobilidade, planejamento urbano, trânsito e tecnologia.

A iniciativa conseguiu, somente em 2017, alcançar um total de 212 municípios, com a participação de 1.465 CFCs, por meio de seus diretores e instrutores.

Você, que participou da edição de 2017, poderá agora avaliar esta iniciativa da EPT, respondendo a uma pesquisa de satisfação.

Sua participação é fundamental para o aperfeiçoamento do Programa CFCs em Ação!

Sobre as palestras

As palestras se configuram como encontros da Escola Pública de Trânsito (EPT) com as entidades de ensino credenciadas no Detran.SP para atualização de suas equipes técnico-pedagógicas. As palestras ocorrerão em diferentes regiões do estado para atender aos CFCs credenciados e tratarão de temas pertinentes à formação dos condutores: mobilidade, planejamento urbano, trânsito, tecnologia, entre outros. Para tratar dos temas, a EPT disponibilizará um especialista para apresentar conteúdos específicos e um convidado para debater a implicação da temática na atuação dos Centros de Formação de Condutores.

                         

Programação

Capital e Região Metropolitana

8h – 8h45: Credenciamento
8h45 – 9h15: Abertura com Dr. Marcos Monteiro (Secretário de Planejamento e Gestão), Dr. Maxwell Vieira (Presidente do Detran.SP), Neiva Aparecida Doretto (Diretora Vice–Presidente do Detran.SP), Dr. Raul Vicentini (Diretor de Habilitação do Detran.SP), Profª Rosana Néspoli (Gerente da Escola Publica de Trânsito do Detran.SP) e Dr. Aldari Onofre Leite (Presidente do Sindautoescola).
Eduardo  Vasconcellos

Eduardo
Vasconcellos

9h15 – 10h15: Painel 1 - Cenários do trânsito no Brasil e as demandas para formação de condutores

O trânsito no Brasil é composto por diferentes cenários, atores e interações. São diferentes possibilidades de arranjo que demandam condutores preparados. Na palestra, o engenheiro e sociólogo Eduardo Vasconcellos aborda alguns conceitos relacionados à ocupação do espaço público, às tendências de transformação neste cenário nas cidades do Brasil e à demanda de formação para os novos condutores e demais usuários participarem do trânsito de maneira responsável e segura.

10h15 – 10h45: Interação e mediação de perguntas do Painel 1
Meli Malatesta

Meli Malatesta

10h45 – 11h45: Painel 2 - A formação do condutor para as relações com pedestres e ciclistas no espaço público

A cidade de São Paulo registra quase três acidentes de trânsito por dia, sendo que pedestres e ciclistas estão entre as principais vítimas. Compreender a relação dos condutores com os pedestres é tema dos estudos da especialista Meli Malatesta, convidada para esta palestra.

11h45 – 12h15: Interação e mediação de perguntas do Painel 2
12h15 – 12h30: Orientações e encerramento

Superintendências Regionais de Campinas I e II

8h – 8h45: Credenciamento – Café de boas-vindas
8h45 – 9h15: Abertura com Dr. Maxwell Vieira (Presidente do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo), Dr. Raul Vicentini (Diretor de Habilitação do DETRAN-SP), Dr. Aldari Onofre Leite (Presidente do Sindicato das Autoescolas e Centro de Formação de Condutores) e Profª Rosana Soares Néspoli (Gerente Escola Pública de Trânsito do DETRAN-SP).
Nereide Tolentino

Nereide Tolentino

9h15 – 10h15: Painel 1 - A abordagem dos instrutores de trânsito para a formação de jovens condutores

A cada ano a sociedade contemporânea identifica diferentes perfis dos jovens que se candidatam a habilitação. Essas novas gerações exigem que os instrutores de trânsito atualizem constantemente suas abordagens didático-pedagógicas. Esse será o tema da fala da professora Nereide Tolentino, especialista em Educação para o Trânsito.

10h15 – 10h45: Interação e mediação de perguntas
Rosana Néspoli

Rosana Néspoli

10h45 – 11h45: Painel 2 – A diferença entre gestão escolar e gestão de ensino: a linha tênue que permeia o papel dos dirigentes dos estabelecimentos de formação de condutores

Uma das definições para gestão é encontrar a melhor maneira para fazer uso dos recursos humanos, físicos e financeiros de uma instituição para o cumprimento de sua missão. Por isto, para que uma gestão seja bem executada é preciso que a entidade de ensino possua uma missão clara e conhecida. Consolidar uma formação moderna e dinâmica das questões educacionais de modo articulado com as experiências vivenciadas no exercício da profissão e repensar a atividade do instrutor em sequências lógicas, adaptadas à estrutura discente. O momento de avaliar a função dos instrutores em face das demais funções dos CFCs de hoje.

11h45 – 12h15: Interação e mediação de perguntas
12h15 – 12h30: Orientações e encerramento

Superintendências do Vale do Paraíba e da Baixada Santista

13h – 13h45: Credenciamento – Café de boas-vindas
13h45 – 14h15: Abertura com Dr. Maxwell Vieira (Presidente do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo), Dr. Raul Vicentini (Diretor de Habilitação do DETRAN-SP), Dr. Aldari Onofre Leite (Presidente do Sindicato das Autoescolas e Centro de Formação de Condutores) e Profª Rosana Soares Néspoli (Gerente Escola Pública de Trânsito do DETRAN-SP).
Nereide Tolentino

Dr. Raul Vicentini

14h15 – 15h15: Painel 1 – Ações para o aprimoramento do processo de habilitação

O processo de habilitação foi padronizado em todo o estado de São Paulo e a parceria com as instituições credenciadas tornou possível alcançar celeridade e transparência no atendimento à população. Mas sempre é possível melhorar! É sobre as ações de melhorias neste processo que tratará a fala do Dr. Raul Vicentini, Diretor do Detran.SP.

15h15 – 15h45: Interação e mediação de perguntas
Rosana Néspoli

Rosana Néspoli

15h45 – 16h45: Painel 2 – Ética e competência: as relações que envolvem a prática de ensino e o cotidiano na formação de condutores

A formação de condutores envolve aspectos conceituais, procedimentais e atitudinais. Para além do Código de Trânsito Brasileiro, o instrutor de trânsito deve ter consciência de que suas ações e palavras transmitem aos candidatos a habilitação valores éticos e competências que serão posteriormente desenvolvidas nas vias públicas. Em sua fala, a Profa. Rosana Néspoli, gerente da Escola Pública de Trânsito do Detran.SP, irá abordar elementos éticos e aspectos técnicos da atuação dos instrutores na formação de novos condutores.

COMUNICADO GEPT nº 11/2017
A Gerente da Escola Pública de Trânsito do DETRAN-SP no uso de suas atribuições, comunica:

1. Alteração da data para a realização da Palestra 4 do Programa “CFCs em Ação! Parâmetros Curriculares Estaduais” destinada aos estabelecimentos de ensino credenciados no DETRAN-SP, circunscritos à região das Superintendências de Araçatuba e de Presidente Prudente;

2. Os diretores gerais e diretores de ensino dos estabelecimentos credenciados ao DETRAN-SP, localizados nas Superintendências Regionais de Araçatuba e de Presidente Prudente, deverão aguardar a abertura de inscrições em data oportuna não acarretando em prejuízo ao desenvolvimento das ações previstas no Comunicado GEPT nº04/2017; e

3. A divulgação da nova data e do período de abertura das inscrições para a Palestra 4 do Programa “CFCs em Ação! Parâmetros Curriculares Estaduais”, destinada aos estabelecimentos de ensino localizados na região da Superintendência Araçatuba e da Superintendência Presidente Prudente será realizada oportunamente por meio do link http://ead.detran.sp.gov.b/palestras e por meio da Imprensa Oficial.

4. Este comunicado entra em vigor em 09/10/2017 e será divulgado via web no endereço http://ead.detran.sp.gov.b/palestras e na Imprensa Oficial.

Palestras destinadas a CFCs e entidades de ensino credenciados ao Detran.SP nas Superintendências de Bauru, Marília e Botucatu

13h – 13h30: Credenciamento – Café de boas-vindas
13h30-14h00: Abertura com Dr. Maxwell Vieira (Presidente do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo), Dr. Raul Vicentini (Diretor de Habilitação do DETRAN-SP), Dr. Aldari Onofre Leite (Presidente do Sindicato das Autoescolas e Centro de Formação de Condutores) e Profª Rosana Soares Néspoli (Gerente Escola Pública de Trânsito do DETRAN-SP).
Profº Engº Luiz Carlos Mantovani Néspoli

Profº Engº Luiz
Carlos Mantovani
 Néspoli

14h00 – 15h00: Aspectos procedimentais da formação de um novo condutor no contexto da aula prática

As particularidades da aula prática de direção veicular exigem dos instrutores de trânsito não apenas habilidade e didática, mas também o domínio de procedimentos específicos de formação que devem ser colocados em prática quando o candidato à habilitação está conduzindo o veículo de aprendizagem. Este será o mote da fala de Luiz Carlos Mantovani Néspoli.

15h00-15h20: Interação e mediação de perguntas
Profº Gustavo Massola

Profº Gustavo
 Massola

15h20-16h20: Painel 2: Aspectos do conflito da lei e do coletivo com a individualidade do condutor

O trânsito é um espaço de conflitos entre diferentes atores – pedestres, ciclistas, motociclistas, condutores de automóveis, ônibus e caminhões. Além destes, há o conflito dos interesses privado e particular (os interesses e desejos individuais) com os interesses público e regulamentado pela legislação. É sobre este conflito que o psicólogo Gustavo Massola tratará em sua palestra.

16h20-16h50: Interação e mediação de perguntas
16h50-17h00: Encerramento

Superintendências de São José do Rio Preto 1, São José do Rio Preto 2 e Barretos

13h – 13h30: Credenciamento
13h30-14h00: Abertura com Dr. Maxwell Vieira (Presidente do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo), Dr. Raul Vicentini (Diretor de Habilitação do DETRAN-SP), Dr. Aldari Onofre Leite (Presidente do Sindicato das Autoescolas e Centro de Formação de Condutores) e Profª Rosana Soares Néspoli (Gerente Escola Pública de Trânsito do DETRAN-SP).
Profº Engº Luiz Carlos Mantovani Néspoli

Profº Engº Luiz
Carlos Mantovani
 Néspoli

14h00 – 15h00: Painel 1 – Refletindo sobre as abordagens na formação de condutores no Brasil: em questão as contradições no processo de ensino

A formação de condutores no Brasil é multifacetada: envolve aspectos conceituais e práticos, que exigem do instrutor de trânsito não apenas habilidade e didática, mas também a consciência crítica a respeito das contradições inerentes à atividade. Entre elas, destaca-se as diferenças entre ensinar para a aprovação no exame versus ensinar para formar um condutor apto a circular nas vias urbanas. Este será o mote da fala de Luiz Carlos Mantovani Néspoli.

15h00-15h20: Interação e mediação de perguntas
Profº Dr. Maurício Nalin dos Santos Ferro

Profº Dr. Maurício
Nalin dos Santos
Ferro

15h20-16h20: Painel 2 –Como reduzir as desigualdades sociais no âmbito da mobilidade urbana?

A mobilidade urbana é um direito que, infelizmente, encontra obstáculos para sua garantia de forma igual entre os cidadãos. A obtenção da Carteira Nacional de Habilitação pode significar, para os candidatos à habilitação, um momento de conquista desse direito. O painel do Prof. Dr. Mauricio Ferro irá abordar outros mecanismos de promover a igualdade social no âmbito da mobilidade.

16h20-16h50: Interação e mediação de perguntas
16h50-17h00: Encerramento

Superintendências Ribeirão Preto, Franca e Araraquara

13h45 – 14h15: Credenciamento
14h15 – 14h30: Abertura
Rosana Néspoli

Rosana Néspoli

14h30 – 15h30: Painel 1 – A diferença entre gestão escolar e gestão de ensino: a linha tênue que permeia o papel dos dirigentes dos estabelecimentos de formação de condutores

Uma das definições para gestão é encontrar a melhor maneira para fazer uso dos recursos humanos, físicos e financeiros de uma instituição para o cumprimento de sua missão. Por isto, para que uma gestão seja bem executada é preciso que a entidade de ensino possua uma missão clara e conhecida. Consolidar uma formação moderna e dinâmica das questões educacionais de modo articulado com as experiências vivenciadas no exercício da profissão e repensar a atividade do instrutor em sequências lógicas, adaptadas à estrutura discente. O momento de avaliar a função dos instrutores em face das demais funções dos CFCs de hoje.

15h30 – 15h45: Interação e mediação de perguntas
Dr. Paulo Saldiva

Dr. Paulo Saldiva

15h45 – 16h45: Painel 2 – Os impactos das ações sobre a saúde e o meio ambiente: uma nova abordagem de formação do condutor na era do consumo

O ato de consumir é inevitável nos dias de hoje. O ato de conduzir um veículo envolve o consumo de combustíveis, peças e produtos de manutenção, além do próprio veículo. Qual a relação dessas ações de consumo com a saúde e o meio ambiente e como podemos formar condutores conscientes destes impactos será o foco da fala do Dr. Paulo Saldiva.

16h45 – 17h: Interação e mediação de perguntas
17h – 17h15: Encerramento



Última atualização: segunda, 7 Mai 2018, 10:25